Justiça Eleitoral manda Miguel Coelho, prefeito de Petrolina, retirar pesquisa "suspeita" da Potencial de suas Redes Sociais. Prefeito é acusado de espalhar "fake news" sobre decisão judicial. Blogs também devem excluir levantamento

 


Depois de determinar a retirada, pelo Blog do Magno Martins, dos resultados da Pesquisa da empresa baiana Potencial para a eleição de Prefeito do Município de Petrolina, a Justiça Eleitoral teve que entrar novamente em ação para determinar ao próprio Prefeito e a outros Blogs que excluíssem dados da mesma pesquisa de suas redes sociais e sites. Além disso, o Juiz Eleitoral Elder Muniz proibiu que o prefeito continuasse veiculando informações falsas, as chamadas "fake news" sobre a decisão. Segundo o juiz, em decisão na REPRESENTAÇÃO (11541) Nº 0600034-87.2020.6.17.0083 / 083ª ZONA ELEITORAL DE PETROLINA PE, movida pelo PARTIDO DEMOCRATICO TRABALHISTA - COMISSAO PROVISORIA MUNICIPAL PETROLINA/PE, representado pela advogada LIGIA MIRELLE PAIVA BARROS, "os demandados, em virtude do potencial comunicativo que possuem, não devem seguir com a publicação de números sub judice, tampouco podem divulgar, como alguns fizeram, que a Pesquisa Eleitoral foi suspensa por força da não citação do nome do PSOL entre os candidatos, quando a verdade mostra que a suspensão tem balizas na ausência de critérios formais da pesquisa. Faço isso porque, consoante art. 21 da Resolução 23.600 do TSE, os responsáveis pela publicação da pesquisa não registrada ou em desacordo com as determinações legais, inclusive o veículo de comunicação social, poderão arcar com as consequências da publicação, mesmo que estejam reproduzindo matéria veiculada em outro órgão de imprensa."

 Ainda segundo o magistrado, "Se a pesquisa objeto de litígio encontra sua validade suspensa temporariamente, blogs de notícia e pré-candidatos relacionados ao pleito tem idêntico dever de abstenção de publicidade dos números antes coletados, a bem do império da verdade. Deste modo, com as considerações acima, defiro e medida liminar requerida para determinar que os demandados MIGUEL DE SOUZA LEÃO COELHO, EDENEVALDO ALVES e WALDINEY PASSOS: Retirem, de modo imediato, de blogs, postagens em Instagram ou outros meios, qualquer texto ou imagem que diga respeito aos dados numéricos fornecidos pela Pesquisa PE 04103/2020, ao menos até que julgado o mérito da Ação nº. 0600031-35.2020.6.17.0084". Determina, ainda, que "Excluam qualquer menção ao nome do PSOL e do pré-candidato Marcos Heridijânio como motivação para a suspensão da Pesquisa PE 04103/2020, posto que a motivação deste Juízo tem relação com elementos formais da pesquisa".

SAIBA MAIS:

Justiça Eleitoral manda suspender a veiculação de Pesquisa da Potencial, divulgada pelo Blog do Magno para Petrolina, por não ser "confiável". Pesquisas do instituto têm sido questionadas em vários Municípios  


MAIS VISITADAS DO MÊS

Entidades ligadas a empresário preso hoje pela PF, por desvios na Saúde, receberam mais de R$ 781 milhões do Estado e de Prefeituras pernambucanas

Mapa da Vergonha: Pernambuco é o Estado com o maior número de irregularidades investigadas na pandemia, aponta documento da Polícia Federal

EXCLUSIVO: PF PRENDE PREFEITO E VICE DE AGRESTINA

Forbes: Lista de bilionários brasileiros traz 16 cearenses e 6 pernambucanos. Saiba quem são.

Operação Desumano: Orcrim que assalta cofres da Saúde do povo pernambucano há anos é desbaratada em megaoperação da PF, CGU, MPF e MPPE (GAECCO). Prefeituras do Recife e de Jaboatão e empresário, líder da ORCRIM, entre os alvos