Fernando Santos, alvo da Operação Background, enviou R$ 25 milhões a paraísos fiscais, somente em 2018

8 de mai. de 2021

/ by Blog da Noelia Brito

Na casa de praia de Fernando Santos, a Polícia Federal apreendeu joias, dinheiro, obras de arte, embarcações e veículos de luxo - Foto: Divulgação/Polícia Federal
 

Grupo sonegou R$ 8,6 bilhões em tributos e deu calote de mais de R$ 60 milhões em trabalhadores

O Blog da Noelia Brito teve acesso à decisão da juíza federal da 4ª Vara Federal, Amanda Torres, que determinou as buscas e apreensões no Grupo João Santos e em residências e escritórios de várias pessoas ligadas ao Grupo. Em um dos trechos da decisão de 134 páginas, a juíza aponta que Fernando Santos, indicado como "co-líder da rede" responsável por sonegação de mais de R$ 8,6 bilhões em tributos, além de dívida trabalhista superior a R$ 60 milhões, teria feito remessas milionárias a paraísos fiscais como Ilhas Cayman, Panamá e Ilhas Virgens e transferidos esses recursos ativos, no exterior para a esposa e enteados. Confiram:

"Ademais, menciona-se a remessa de recursos para paraísos fiscais, que, apesar de não ser necessariamente irregular, no contexto dos fatos apurados, teria passado a se apresentar como indicativo de ocultação patrimonial, citando-se que a DIRPF 2018 de FERNANDO SANTOS declara sua participação societária na COMPANHIA TWENTY LTD, sediada nas Ilhas Cayman, e que ANA PATRICIA BAPTISTA RABELO PEREIRA DOS SANTOS também possuiria participação societária em offshores situadas em paraísos fiscais. Ainda registra a representação que 'Aderindo ao regime de repatriação para evitar investigações sobre lavagem de dinheiro, o co-líder da rede declarou R$ 8 milhões em ativos nas Ilhas Cayman, R$ 14,8 milhões no Panamá e R$ 152 mil nas Ilhas Virgens Britânicas. Em manobra semelhante à venda das ações de PEDRA BRANCA por JOSE BERNARDINO, FERNANDO transferiu seus ativos mais valiosos no exterior para a esposa e enteados. As ações da ARLEY CAPITAL INC foram transferidas para MARIA IRENE, ANA PATRICIA, CHRISTIANE e OSVALDO PEREIRA DOS SANTOS. Essas ações valeriam US$ 5.576.810,28 em 2015. Se dividir esse valor por quatro, alcança-se exatamente o valor dos empréstimos que FERNANDO JOAO alega ter firmado em 15/10/2015 com MARIA IRENE, ANA PATRICIA, CHRISTIANE e OSVALDO. Segundo a declaração de imposto de renda de 2016, o presidente do Grupo João Santos teria pago esses empréstimos por meio dessas ações".

Nenhum comentário

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

© Todos os direitos reservados - 2021