Lula deve priorizar conversa com João Campos e com Renata Campos. Agenda com Paulo Câmara já está confirmada. Geraldo Julio é contra aproximação

21 de jun. de 2021

/ by Blog da Noelia Brito

 

Foto: Divulgação

Lula pretende se encontrar com o prefeito do Recife, João Campos (PSB) e com sua mãe, Renata Campos. João Campos e o ex-prefeito do Recife Geraldo Julio (PSB), que quer se lançar candidato ao governo estadual, mas encontra resistências entre aliados, conforme mostrou com exclusividade o Blog da Noelia Brito, têm feito contraponto no PSB a movimentos de aproximação com o PT. Geraldo Julio declarou, no início de maio, que defendia candidatura própria para a disputa presidencial ou apoio a Ciro Gomes (PDT). As informações são da Folha de São Paulo.

As movimentações do ex-presidente Lula da Silva, junto a possíveis aliados, visando sua candidatura à sucessão do presidente Jair Bolsonaro, já tem data marcada para desembarcar no Nordeste. Segundo a Folha de São Paulo, após encontros com líderes políticos do Rio de Janeiro, Lula deve agendar uma série de visitas a Estados nordestinos para estreitar ou restabelecer alianças.

A ida de Lula ao Nordeste foi confirmada à Folha de São Paulo pelo vice-presidente do PT, Marcio Macêdo, que afirma, porém, que as conversas não terão relação com a eleição, mas deverão ter como tema o desenvolvimento regional, o combate à fome e a luta por vacinas.

A Folha destaca que líderes locais de PSB e MDB serão os principais alvos. Os dois partidos, lembra, distanciaram-se do PT ao longo dos últimos anos e apoiaram majoritariamente o impeachment da então presidente Dilma Rousseff (PT) em um processo que deixou feridas abertas pelo caminho.

No PSB, o movimento de aproximação deve ser selado com a filiação, anunciada para amanhã, 21, ao partido do governador do Maranhão, Flávio Dino.

PT e PSB já haviam firmado parcerias no Piauí e na Paraíba e iniciaram movimentos de reaproximação em Pernambuco e Sergipe. Na Bahia e no Ceará, as alianças locais são históricas e sobreviveram às rusgas dos últimos anos.

A conversa com o PSB de Pernambuco será uma das prioridades do périplo de Lula pelo Nordeste, dia a Folha. Já está engatilhada reunião com o governador local, Paulo Câmara (PSB).

A Folha apurou que Lula pretende se encontrar com o prefeito do Recife, João Campos (PSB), um dos nomes dentro do partido que resiste a um apoio ao petista já no primeiro turno das eleições de 2022. No ano passado, ele protagonizou uma das eleições mais acirradas da história da capital pernambucana contra a prima Marília Arraes (PT).

A Folha lembra que o antipetismo foi usado de maneira intensa na campanha eleitoral do segundo turno. Lula tem forte relação pessoal com a família Campos. A intenção do petista é também fazer uma visita a Renata Campos, mãe do político e viúva de Eduardo Campos, ex-ministro de Lula.

O PSB pernambucano, que tem peso histórico nas decisões do partido, avalia que ainda não é tempo de definir alianças nacionais no momento em que o partido está em ascensão, com a iminente filiação de novos quadros como Dino e o deputado federal Marcelo Freixo.

João Campos e o ex-prefeito do Recife Geraldo Julio (PSB), que quer se lançar candidato ao governo estadual, mas encontra resistências entre aliados, conforme mostrou com exclusividade o Blog da Noelia Brito, têm feito contraponto no PSB a movimentos de aproximação com o PT.

Geraldo Julio declarou, no início de maio, que defendia candidatura própria para a disputa presidencial ou apoio a Ciro Gomes (PDT).

 




Nenhum comentário

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

© Todos os direitos reservados - 2021