Viúva do miliciano Adriano Nóbrega delatou ao MPRJ quem mandou matar Marielle

16 de jul. de 2021

/ by Blog da Noelia Brito
Foto: Reprodução 



A viúva de Adriano detalhou a participação do marido em uma dezena de homicídios encomendados, entre eles o de Marielle e Anderson e listou agentes públicos que receberam propina para acobertar crimes.


Um acordo de delação premiada que a viúva do miliciano Adriano Nóbrega, Julia Mello Lotufo, está negociando pode elucidar, finalmente, quem mandou matar a vereadora do PSOL, Marielle Franco.

Em conversas com promotores do Rio, ela revelou quem foi o mandante da execução de Marielle e de Anderson, motorista da parlamentar, que acabou morto durante o atentado. A viúva de Adriano detalhou a participação do marido em uma dezena de homicídios encomendados pela contravenção e listou agentes públicos que receberam propina para acobertar crimes.

Em regime de prisão domiciliar e obrigada a usar tornozeleira eletrônica, Julia propôs a colaboração com o objetivo de conseguir a revogação das medidas restritivas determinadas pela Justiça e, assim, recuperar a própria liberdade. O MP ainda não respondeu se aceita a delação.

As informações são da Veja.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

© Todos os direitos reservados - 2021