João Campos, Paulo Câmara e Marilia Arraes juntos em São Paulo em jantar que reúne Lula e Alckmin

20 de dez. de 2021

/ by Blog da Noelia Brito

 

Lula e Alckmin, no jantar do Grupo Prerrogativas. Foto: Ricardo Stuckert 

O jantar ocorreu no mesmo dia em que o PT de Pernambuco escolheu o senador Humberto Costa como seu candidato ao governo de Pernambuco, na hipótese, improvável, de não se confirmar o apoio do PSB à candidatura de Lula à Presidência. O PSB exige, para dar legenda a Alckmin, que o PT o apoie em cinco capitais, entre as quais, São Paulo, abrindo mão da candidatura de Fernando Haddad, que lidera as pesquisas, no Estado.


O badalado jantar ocorrido ontem,  19, no restaurante Figueira Rubaiyat, no Jardim Paulista, promovido pelo Grupo de juristas Prerrogativas, conseguiu reunir antigos desafetos políticos, em torno da provável chapa Lula/Alckmin, que pretende derrotar o bolsonarismo nas próximas eleições.

Com convites a R$ 500 e renda a ser revertida para a campanha de distribuição de alimentos Tem Gente Com Fome, organizada pela Coalizão Negra por Direitos, o evento reuniu 500 convidados, dentre eles, o prefeito do Recife, João Campos, e o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, ambos do PSB, Marilia Arraes do PT, além de Geraldo Alckmin, que deve se filiar ao PSB, Gleisi e Carlos Siqueira, presidentes do PT e do PSB e Aloízio Mercadante, PT.

Participam também do jantar: Paulinho da Força (Solidariedade), Arthur Virgílio (PSDB), Márcio França (PSB), Alessandro Molon (PSB), Randolfe Rodrigues (REDE), Marcelo Freixo (PSB), Fernando Haddad (PT), Marta Suplicy (sem partido), Rodrigo Maia (sem partido), Omar Aziz (PSD), Gilberto Kassab (PSD), Luciana Santos (PC do B), vice governadora do Estado de Pernambuco.

Foto:Divulgação/Redes Sociais 


O governador Paulo Câmara celebrou, em suas redes sociais "o estabelecimento de uma frente ampla de oposição ao presidente Jair Bolsonaro". Segundo o governador de Pernambuco, o encontro reuniu "as principais lideranças do campo progressista do Brasil como o ex-presidente Lula, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, a presidente nacional do PCdoB e vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos, o prefeito do Recife, João Campos, entre outros."

Foto: Divulgação/Redes Sociais 


Já Marília Arraes, declarou que "foi muito bom encontrar tanta gente querida nesse final de ano, com a certeza de que o próximo será melhor, com Lula!" 

O jantar ocorreu no mesmo dia em que o PT de Pernambuco escolheu o senador Humberto Costa como seu candidato ao governo de Pernambuco, na hipótese, improvável, de não se confirmar o apoio do PSB à candidatura de Lula à Presidência. O PSB exige, para dar legenda a Alckmin, que o PT o apoie em cinco capitais, entre as quais, São Paulo, abrindo mão da candidatura de Fernando Haddad, que lidera as pesquisas, no Estado.









Nenhum comentário

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

© Todos os direitos reservados - 2021