Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Gilberto Kassab

DESTAQUE

Butique das "finas e fofas" do Recife era "usada para desvios de recursos das empresas principais" do Grupo João Santos para fugir dos credores trabalhistas e fiscais

Imagem
Policial federal contando dinheiro apreendido na casa de um dos alvos da Operação Background - Foto: Divulgação/PF Em todo o período analisado pela Polícia Federal, o total de créditos nas contas da Dona Santa foi de cerca de R$ 102 milhões, enquanto a receita declarada no mesmo período foi de pouco mais de R$ 47 milhões. Aparentemente, R$ 55 milhões de origem desconhecida foram creditados nas contas da empresa, aponta a decisão de buscas e apreensões De acordo com a decisão que determinou buscas e apreensões nas empresas do Grupo João Santos e de pessoas ligadas a este, a Polícia Federal aponta no sentido "da lavagem de dinheiro", pois "analisando as movimentações bancárias suspeitas, foi possível identificar retiradas milionárias por sócios, utilização de contas bancárias de passagem, com valores entrando na conta e sendo transferidos para outras contas no mesmo dia ou em dias próximos, tudo isso para evitar bloqueios judiciais e rastreamento dos valores. Também

Kassab, que indicou o Ministro das Comunicações, pelo "Centrão", vê Bolsonaro fora do 2º turno e considera Luiza Trajano e Rodrigo Pacheco ‘bons nomes’ para 3ª via

Imagem
  Para atender ao Centrão, Bolsonaro recriou o Ministério das Comunicações e nomeou indicado por Kassab   “Acho muito difícil, [Bolsonaro] vai ter de trabalhar muito para reverter sua imagem. O legado vai ser muito ruim, com [projeção de] 500 mil mortos [pelo coronavírus]”, disse Kassab ao Valor Econômico Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o fundador do PSD e um dos líderes do chamado Centrão, Gilberto Kassab, afirmou acreditar que que a pandemia da covid-19 e o cenário econômico negativo — com desemprego e pressão inflacionária — poderão deixar Jair Bolsonaro de fora do segundo turno da eleição presidencial de 2022.   Para cumprir acordo com “Centrão”, Bolsonaro recriou o Ministério das Comunicações e nomeou o genro de Silvio Santos, deputado Fábio Farias, filiado ao PSD e indicado de Gilberto Kassab. Para Kassab, Luiza Trajano, dona do Magazine Luiza, e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), seriam “bons nomes” como potenciais candidatos da terceira via à Presid