Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Notícia Crime

DESTAQUE

Pague Menos e Ultrapar confirmam compra da Extrafarma pelo preço final de R$ 700 milhões

Imagem
Foto: Divulgação  Com aquisição, Pague Menos se torna a segunda maior rede de farmácias em número de lojas do país, atrás apenas de Raia Drogasil SÃO PAULO – Seguindo a intensa agenda de fusões e aquisições nos últimos meses entre empresas da Bolsa, nesta terça-feira (18) de manhã os investidores receberam a notícia da Reuters de que a Pague Menos (PGMN3) teria comprado a Extrafarma, do conglomerado Ultrapar (UGPA3), por R$ 600 milhões mais dívida e caixa, que totalizaram assim R$ 700 milhões. A notícia oficial da transação, contudo, aconteceu depois do fechamento do mercado, após as companhias terem confirmado durante a manhã desta terça-feira (18) apenas que estavam em negociação, mas sem os termos do acordo. Já depois do fechamento do mercado, além da confirmação do negócio, mais detalhes foram dados. A Ultrapar confirmou que assinou o contrato por um valor total da venda (EV – enterprise value) de R$ 700 milhões, sujeito a ajustes em razão principalmente das variações de capital de

Salles atuou de forma explícita a favor de madeireiros, diz delegado da PF afastado

Imagem
Foto: Rede Brasil Atual Para o ex-Superintendente da PF no Amazonas, Salles  colocou em dúvida o trabalho da PF e patrocinou a ação dos criminosos.  Foco da mídia depois de ter sido afastado do cargo de Superintendente da Polícia Federal, no Amazonas, por investigar crimes ambientas e grilagem de terras da União na Região, supostamente cometidos por madeireiros ligados ao Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles e ao senador Telmário Mota (PROS-RR), contra quem encaminhou notícia-crime ao STF, por favorecimento a madeireiros, o Delegado da PF, Alexandre Saraiva reforçou, em entrevista ao Jornal o GLOBO, as denúncias contra Salles. De acordo com o delegado, a interferência de Salles em prol dos investigados é feita de maneira explícita, ao ponto de haver vídeo do Ministro apontando para a placa de uma empresa investigada que segundo ele 'estava tudo certinho'. No entanto, afirma o delegado, com relação a esta empresa, já existia até laudo pericial apontando as ilegalidades come