Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Ricardo Salles

DESTAQUE

Pague Menos e Ultrapar confirmam compra da Extrafarma pelo preço final de R$ 700 milhões

Imagem
Foto: Divulgação  Com aquisição, Pague Menos se torna a segunda maior rede de farmácias em número de lojas do país, atrás apenas de Raia Drogasil SÃO PAULO – Seguindo a intensa agenda de fusões e aquisições nos últimos meses entre empresas da Bolsa, nesta terça-feira (18) de manhã os investidores receberam a notícia da Reuters de que a Pague Menos (PGMN3) teria comprado a Extrafarma, do conglomerado Ultrapar (UGPA3), por R$ 600 milhões mais dívida e caixa, que totalizaram assim R$ 700 milhões. A notícia oficial da transação, contudo, aconteceu depois do fechamento do mercado, após as companhias terem confirmado durante a manhã desta terça-feira (18) apenas que estavam em negociação, mas sem os termos do acordo. Já depois do fechamento do mercado, além da confirmação do negócio, mais detalhes foram dados. A Ultrapar confirmou que assinou o contrato por um valor total da venda (EV – enterprise value) de R$ 700 milhões, sujeito a ajustes em razão principalmente das variações de capital de

Em recado a Aras, Carmen Lucia diz esperar que o Ministério Público cumpra seu dever com relação a denúncias contra Salles

Imagem
Augusto Aras e Jair Bolsonaro Foto:Ueslei Marcelino / Reuters Após destacar a gravidade das denúncias levadas ao Supremo por Alexandre Saraiva, Carmen Lucia disse esperar que a PGR não abdicará de seus deveres no caso A Ministra Carmen Lúcia, do STF, encaminhou ao Procurador Geral da República Augusto Aras, a notícia-crime endereçada ao Supremo, pelo ex-superintendente da Polícia Federal do Amazonas, Alexandre Saraiva, contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, por favorecimento de criminosos alvos de Operações da Polícia Federal. Salles teria defendido a ação de madeireiros investigados por desmatamento ilegal e grilagem de terras da União em detrimento das investigações da Polícia Federal, que resultaram no afastamento de Saraiva do cargo de Superintendente. Em seu despacho de encaminhamento, Carmen Lucia mandou uma série de recados a Aras, que tem determinado arquivamentos de pedidos de investigação contra Bolsonaro e aliados, no momento em que pleiteia nomeação para o ca

Salles legitimou ação de criminosos, diz delegado da PF

Imagem
Alexandre Saraiva/Foto:Reprodução Durante depoimento, delegado Alexandre Saraiva confirmou todas as denúncias feitas contra o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles, na notícia-crime encaminhada ao STF Em comissão realizada pela Câmara dos Deputados para discutir o assunto, Saraiva disse que Salles decidiu se colocar ao lado dos madeireiros a partir da avaliação de duas toras de madeira, quando estava diante da maior apreensão de madeira ilegal já feita pela PF em toda história O delegado da Polícia Federal Alexandre Saraiva reafirmou, em depoimento durante audiência pública na Câmara dos Deputados, nesta segunda-feira, 26, os fatos levados ao conhecimento do Supremo Tribunal Federal contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em uma notícia-crime, que foi o estopim para sua demissão do cargo de Superintendente Regional do Amazonas. Durante o depoimento, o delegado afirmou que Ricardo Salles decidiu se colocar ao lado dos madeireiros a partir da avaliação de duas toras de

Em defesa de seus "bandidos de estimação", deputados bolsonaristas ameaçam delegado da Polícia Federal afastado por cumprir a lei. Confiram o vídeo

Imagem
Foto: Reprodução Twitter O delegado Alexandre Saraiva, após ser afastado da Superintendência da Polícia Federal do Amazonas, por noticiar crimes cometidos pelo Ministro Ricardo Salles e pelo senador Telmário Miranda, que patrocinaram interesses de alvos de Operações da Polícia Federal, foi homenageado por seus colegas que destacaram sua "coragem, atitude e profissionalismo". Na ânsia de defender madeireiros investigados pela Polícia Federal, por crimes que vão do desmatamento à grilagem de terras da União, deputados do PSL e do PSD, da base governista de Jair Bolsonaro, proferiram várias ameaças de punições contra o delegado da Polícia Federal, Alexandre Saraiva. As ameaças foram retrucadas pelo ex-superintendente da Polícia Federal no Amazonas, enquanto prestava esclarecimentos, em uma audiência pública da Comissão e Legislação Participativa (CLP) e da Comissão de Direitos Humanos da Câmara (CDHM), sobre as acusações que fez contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo

Salles atuou de forma explícita a favor de madeireiros, diz delegado da PF afastado

Imagem
Foto: Rede Brasil Atual Para o ex-Superintendente da PF no Amazonas, Salles  colocou em dúvida o trabalho da PF e patrocinou a ação dos criminosos.  Foco da mídia depois de ter sido afastado do cargo de Superintendente da Polícia Federal, no Amazonas, por investigar crimes ambientas e grilagem de terras da União na Região, supostamente cometidos por madeireiros ligados ao Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles e ao senador Telmário Mota (PROS-RR), contra quem encaminhou notícia-crime ao STF, por favorecimento a madeireiros, o Delegado da PF, Alexandre Saraiva reforçou, em entrevista ao Jornal o GLOBO, as denúncias contra Salles. De acordo com o delegado, a interferência de Salles em prol dos investigados é feita de maneira explícita, ao ponto de haver vídeo do Ministro apontando para a placa de uma empresa investigada que segundo ele 'estava tudo certinho'. No entanto, afirma o delegado, com relação a esta empresa, já existia até laudo pericial apontando as ilegalidades come

Ricardo Salles e Telmário Mota atuaram para obstruir investigação ambiental, favorecer madeireiros e formaram organização criminosa, aponta PF em notícia-crime ao STF

Imagem
Foto: Reprodução ESTADÃO   Superintendente da Polícia Federal no Amazonas encaminhou notícia-crime ao Supremo Tribunal Federal contra o ministro do Meio Ambiente, acusado de agir em favor de investigados investigados na Operação Handroanthus GLO, que mirou extração ilegal de madeira na Amazônia Paulo Roberto Netto e Fausto Macedo14 de abril de 2021 | 22h48 A Polícia Federal encaminhou ao Supremo Tribunal Federal notícia-crime contra o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles por obstrução de investigação ambiental, advocacia administrativa e organização criminosa. A peça foi redigida pelo superintendente da PF no Amazonas, Alexandre Saraiva , e acusa Salles e o senador Telmário Mota de atuarem em favor de investigados da Operação Handroanthus GLO, que mirou extração ilegal de madeira na Amazônia no final do ano passado. A NOTÍCIA-CRIME DA PF CONTRA SALLES Segundo Saraiva, além de dificultar a ação de fiscalização ambiental, Salles ‘patrocina diretamente interesses privados (de madei