Postagens

Mostrando postagens com o rótulo roberto claudio

DESTAQUE

Pague Menos e Ultrapar confirmam compra da Extrafarma pelo preço final de R$ 700 milhões

Imagem
Foto: Divulgação  Com aquisição, Pague Menos se torna a segunda maior rede de farmácias em número de lojas do país, atrás apenas de Raia Drogasil SÃO PAULO – Seguindo a intensa agenda de fusões e aquisições nos últimos meses entre empresas da Bolsa, nesta terça-feira (18) de manhã os investidores receberam a notícia da Reuters de que a Pague Menos (PGMN3) teria comprado a Extrafarma, do conglomerado Ultrapar (UGPA3), por R$ 600 milhões mais dívida e caixa, que totalizaram assim R$ 700 milhões. A notícia oficial da transação, contudo, aconteceu depois do fechamento do mercado, após as companhias terem confirmado durante a manhã desta terça-feira (18) apenas que estavam em negociação, mas sem os termos do acordo. Já depois do fechamento do mercado, além da confirmação do negócio, mais detalhes foram dados. A Ultrapar confirmou que assinou o contrato por um valor total da venda (EV – enterprise value) de R$ 700 milhões, sujeito a ajustes em razão principalmente das variações de capital de

CPI da Covid: Roberto Cláudio chama senador Eduardo Girão de "bajulador" do Governo Bolsonaro. Ex-prefeito de Fortaleza é alvo de requerimentos do senador bolsonarista.

Imagem
Foto: Divulgação "Não houve qualquer mobilização política por parte do senador Girão em apoio às medidas locais de isolamento social, à aquisição de insumos médicos ou ao trabalho de assistência aos nossos doentes fortalezenses, nem mesmo para viabilizar vacinas ao Ceará", acusou o ex-prefeito, pelas redes sociais Alvo de requerimentos do senador Eduardo Girão (Podemos/CE), aprovados pela CPI da Covid, o ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, foi às redes sociais para manifestar seu desapreço pelo trabalho do desafeto político na pandemia. Vejam o desabafo do ex-prefeito, postado há pouco em suas Redes Sociais: "Me impressiona esse intempestivo “proativismo” do Senador Eduardo Girão em relação à pandemia. E minha surpresa encontra justificativa quando me lembro do fato de que durante os mais de oito meses em que estive à frente da condução das ações da Prefeitura de Fortaleza (de março a dezembro de 2020) no combate à pandemia, não recebi nem mesmo uma ligação te