Postagens

DESTAQUE

Premiação: Superintendência da PF em Pernambuco foi a que mais deflagrou Operações contra a corrupção no Brasil em 2020.

Imagem
A Superintendência de Polícia Federal em Pernambuco recebeu um prêmio no encerramento do Encontro de chefes de Delegacia de represssao a crimes contra a Corrupção e Crimes Financeiros. A SRPE foi a unidade que mais deflagrou operações especiais dentre todas do Brasil no tema de combate à corrupção. O prêmio foi entregue ao Delegado Daniel Silvestre que o dedicou a toda a equipe que compõe a DELECOR-PE. Na foto: Superintendente da SRPE, Carla Patrícia, Delegado chefe da DELECOR, Daniel Silvestre e Delegada Regional de Combate a Crime Organizado, Mariana Cavalcanti.

Operação Vetus combate violência contra idosos durante a pandemia. Só em Pernambuco são apuradas denúncias de maus tratos contra 1.058 idosos

Imagem
  Recife - A Polícia Civil de Pernambuco, por intermédio da Delegacia do Idoso/DHPP e delegacias de todo o estado, deflagrou, nesta sexta-feira (04), a Operação VETUS.  A ação faz parte de uma operação inédita, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), com o objetivo de combater crimes de violência contra o idoso nos 26 estados e no Distrito Federal.  A operação integrada, que teve início no dia 1º de outubro (Dia Internacional do Idoso), foi planejada tendo em vista o aumento de denúncias de abuso registradas durante o período da pandemia, pelo Disque 100, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. Desde então, a PCPE já apurou 467 denúncias, que culminaram com a instauração de 576 procedimentos investigativos, com atendimento de 1.058 pessoas idosas vítimas de violência e a prisão de 42 agressores nos 93 municípios participantes.  A Delegacia do Idoso, especificamente, retirou 17 idosas e idosos das mãos dos agressores e autuou em flagrante seis pess

"Risco concreto de reiteração delitiva" leva o STJ a negar pedido de braço direito de Geraldo Julio para voltar ao cargo em que ordenava despesas da pandemia

Imagem
  A Ministra Laurita Vaz, do STJ, indeferiu pedido liminar do  Diretor Executivo de Administração e Finanças da Secretaria de Saúde do Município de Recife, Felipe Soares Bittencourt para retornar ao cargo, de onde foi afastado por suspeitas de desvios de recursos públicos destinados ao combate à pandemia de Coronavírus. O servidor comissionado era considerado uma espécie de braço direito do Prefeito Geraldo Julio, que deixa o comando da Prefeitura do Recife no próximo dia 31 de dezembro. Confiram a decisão na íntegra: RECURSO EM HABEAS CORPUS Nº 138847 - PE (2020/0320530-0)   RELATORA : MINISTRA LAURITA VAZ   RECORRENTE : FELIPE SOARES BITTENCOURT   ADVOGADOS : ADEMAR RIGUEIRA NETO - PE011308   MARIA EMILIA ARAÚJO MONTENEGRO DE MELLO - PE017773   EDUARDO LEMOS LINS DE ALBUQUERQUE - PE037001   GISELLE HOOVER SILVEIRA E OUTRO(S) - PE039265   RECORRIDO : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL   DECISÃO   Trata-se de recurso ordinário em habeas corpus , com pedido liminar, interposto por F