Postagens

Mostrando postagens com o rótulo dani portela

DESTAQUE

Pague Menos e Ultrapar confirmam compra da Extrafarma pelo preço final de R$ 700 milhões

Imagem
Foto: Divulgação  Com aquisição, Pague Menos se torna a segunda maior rede de farmácias em número de lojas do país, atrás apenas de Raia Drogasil SÃO PAULO – Seguindo a intensa agenda de fusões e aquisições nos últimos meses entre empresas da Bolsa, nesta terça-feira (18) de manhã os investidores receberam a notícia da Reuters de que a Pague Menos (PGMN3) teria comprado a Extrafarma, do conglomerado Ultrapar (UGPA3), por R$ 600 milhões mais dívida e caixa, que totalizaram assim R$ 700 milhões. A notícia oficial da transação, contudo, aconteceu depois do fechamento do mercado, após as companhias terem confirmado durante a manhã desta terça-feira (18) apenas que estavam em negociação, mas sem os termos do acordo. Já depois do fechamento do mercado, além da confirmação do negócio, mais detalhes foram dados. A Ultrapar confirmou que assinou o contrato por um valor total da venda (EV – enterprise value) de R$ 700 milhões, sujeito a ajustes em razão principalmente das variações de capital de

Fundador do PT, da CUT e do PSOL, em Pernambuco, Jesualdo Campos morre vítima da Covid-19

Imagem
Foto: Arquivo pessoal Campos, que foi um dos fundadores do PT e da CUT em Pernambuco na década de 80, ajudou a fundar o PSOL em 2004, era sogro da vereadora do Recife, Dani Portela, do PSOL e pai do advogado e também militante do PSOL, Jesualdo de Albuquerque Campos Junior. O professor e líder sindical Jesualdo de Albuquerque Campos morreu, nesta quinta-feira (29), por complicações decorrentes da Covid-19. Campos, que foi um dos fundadores do PT e da CUT em Pernambuco na década de 80, ajudou a fundar o PSOL em 2004, era sogro da vereadora do Recife, Dani Portela, do PSOL e pai do advogado e também militante do PSOL, Jesualdo de Albuquerque Campos Junior.  Como militante tinha um histórico de luta em defesa dos professores no estado de Pernambuco. Jesualdo Campos se formou em Biologia pela Universidade Federal de Pernambuco, na década de 70, tendo iniciado sua militância política no Movimento Estudantil.  Ingressou no SIMPRO (Sindicato dos Professores do Estado de Pernambuco