Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2020

PCPE deflagra Operação Fim de Festa contra a prostituição infantil e pedofilia no Recife

Imagem
A Polícia Civil de Pernambuco desencadeou na manhã desta quarta-feira, 30, a 75ª Operação de Repressão Qualificada do ano, denominada "FIM DE FESTA", vinculada à Diretoria Integrada Especializada - DIRESP, sob a presidência do Delegado Geraldo Silva da Costa, Titular da Delegacia de Crimes Contra Criança e Adolescente – DECCA, integrante do Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente – DPCA.  A investigação foi iniciada em agosto de 2017, com o objetivo de identificar e desarticular integrantes de Associação Criminosa voltada à prática dos seguintes crimes: Induzimento à Prostituição de Adolescente, Favorecimento à Prostituição, Manutenção de Casa de Prostituição, Rufianismo, Armazenamento de Imagens Pornográficas de Adolescentes. No dia de hoje, estão sendo cumpridos 4 (quatro) mandados de prisão e 3 (três) mandados de busca e apreensão domiciliar expedidos pela Primeira Vara dos Crimes Contra Criança e Adolescente da Capital.  Na execução, estão sendo empreg

No apagar das luzes de sua gestão, Geraldo Julio gasta R$ 43 milhões com imóveis, inclusive em outros Municípios e é questionado por Priscila Krause

Imagem
Imóvel em Afogados foi desapropriado por quase R$ milhões  A deputada estadual Priscila Krause (DEM) protocolou, através da Lei de Acesso à Informação, solicitação ao prefeito Geraldo Julio (PSB) para que justifique e apresente as documentações vinculadas a um conjunto de processos emergenciais apresentados pela administração municipal nesta última semana de gestão em prol da aquisição de prédios e terrenos sob a justificativa de posterior utilização para a Secretaria de Educação do Recife.  O pacote inclui a aquisição de galpão logístico no Cabo de Santo Agostinho, viabilizada via dispensa de licitação, e oito desapropriações em caráter de urgência de nove prédios e dois terrenos nos bairros de Boa Viagem, Afogados, Casa Amarela, Prado e Boa Vista. Dos nove processos de compra, seis já tiveram seus valores revelados, a exemplo de um imóvel comprado a R$ 4,85 milhões em Afogados, onde funcionou uma pequena escola de Ensino Médio. Já o imóvel do Cabo de Santo Agostinho, situado no Cond

Em nota, Twenty Six esclarece que respiradores comprados pelo Estado de Pernambuco já foram entregues e que a empresa foi contratada apenas para o despacho aduaneiro

Imagem
Imagem meramente ilustrativa NOTA À IMPRENSA  A Twenty Six Trading informa que foi contratada pelo Estado de Pernambuco para fazer o serviço de despacho aduaneiro de respiradores e agiu de acordo com os termos propostos pelo Estado.  A empresa esclarece que o Estado tem pretendido responsabilizá-la por um atraso da fornecedora chinesa de respiradores, a Pand Technology, situação que é inadmissível, uma vez que a empresa foi contratada apenas para a prestação de serviços de importação por conta e ordem do Estado. Prova disso é que o próprio Estado de Pernambuco chegou a solicitar apoio diplomático para reaver os valores pagos à fornecedora chinesa, evidenciando a ausência de responsabilidade da Twenty Six. A questão foi solucionada, uma vez que o Estado já está na posse dos equipamentos, que foram incorporados ao sistema da Secretaria Estadual de Saúde, visto que foram recebidos, avaliados e estão em perfeitas condições de funcionamento. Com a notícia de que o Estado recebeu

Justiça suspende diplomação da chapa de vice-prefeito do MDB que jogou dinheiro pela janela em Pernambuco

Imagem
A Justiça Eleitoral determinou a suspensão da diplomação do prefeito reeleito Neto Barreto (PTB) e do vice Eraldo Veloso, em decisão liminar em audiência de Instrução e Julgamento de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral – AIJE. Ambos foram eleitos no dia 15 de novembro, para o mandato de 2021 a 2024 na cidade de Joaquim Nabuco. A decisão foi baseada nas provas e depoimentos colhidos durante a instrução do processo que investiga a prática de abuso de poder econômico e capitação ilícita de votos. Durante a audiência, o juiz ouviu das testemunhas, que pegaram "valores na varanda do candidato, tendo ido comprar pastel, havendo comentários de que jogaria dinheiro, fazendo isso, jogando pela varanda, e depois entregou parte em mãos de pessoas. Já havia a promessa de entregar dinheiro, sendo notas verdadeiras. Foi a única vez que pegou dinheiro. Recebe um benefício do INSS. Ninguém pediu para que fosse ao Tabelião, estando tudo pago no cartório, sendo Alef que disse para ir. Não s

DRACCO faz Operação Fim de Jogo, contra alvo com foro privilegiado em Palmares

Imagem
A POLÍCIA CIVIL DE PERNAMBUCO desencadeou na manhã desta quinta-feira, 17/12/2020, a 69ª Operação de Repressão Qualificada do ano, denominada "FIM DE JOGO", vinculada à Diretoria Integrada Especializada - DIRESP, sob a presidência do Delegado Diego Pinheiro, Titular da 2ª Delegacia de Combate à Corrupção - 2ª DECCOR, integrante do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado – DRACCO. A investigação foi iniciada em JANEIRO de 2020, com o objetivo de identificar e desarticular integrantes de Organização Criminosa voltada à prática dos seguintes crimes: Peculato e Falsificação de Documentos.  No dia de hoje, estão sendo cumpridos 11 (onze) mandados de busca e apreensão domiciliar, além de seqüestros de bens e valores, expedidos pelo Tribunal de Justiça  de Pernambuco na Prefeitura de Palmares, e em endereços no Recife e em Água Preta.  Na execução, estão sendo empregados 70 (setenta) Policiais Civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães. As investigações

PF faz Operação Kickback contra escritório de advocacia usado para lavagem de propinas no governo Witzel

Imagem
A Polícia Federal está nas ruas nesta terça-feira para cumprir mandados da Operação Kickback — que apura possível esquema de desvio de recursos públicos na área da saúde por meio do pagamento de dívidas inscritas na modalidade “restos a pagar” no governo do governador afastado do Rio Wilson Witzel. A operação foi autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça a pedido da Procuradoria Geral da República. Segundo as investigações, a organização social Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus (HMTJ), que atua no Rio e em Juiz de Fora, Minas Gerais, recebeu cerca de 280 milhões de reais em dívidas inscritas em “restos a pagar” em troca de pagamento de propina de 13% sobre o valor quitado. Esse valor, de acordo com a PF, daria prioridade à OS no recebimento dos recursos, já que a atual situação fiscal do Rio faria com que nem todas as dívidas pudessem ser quitadas. Além disso, os investigadores apontam que a OS pagou cerca de 50 milhões de reais a um escritório de advocacia que repassou mai

Operação Quasar, da Polícia Federal, investiga desvios na Prefeitura de Salgueiro

Imagem
  A PF deflagrou hoje, 15 a Operação Quasar, que visa combater organização criminosa que atuava em fraudes a licitações e possível desvio de recursos públicos na Prefeitura Municipal de Salgueiro/PE que deveriam ser utilizadas na construção de unidades básicas de saúde e outras obras de infraestrutura. Estão sendo cumpridos 7 mandados de busca e apreensão em imóveis de pessoas físicas e sedes de pessoas jurídicas, dentre estes, são alvos a Prefeitura Municipal de Salgueiro, um Secretário da Prefeitura e um futuro vereador eleito no último pleito. As medidas estão sendo cumpridas nos endereços dos acusados, localizadas em Salgueiro e Igarassu.  As investigações tiveram início no ano de 2019 e visa desarticular a atividade da organização criminosa que consistia na fraude à licitação, com o vencimento do certame por uma empresa de “fachada”, sem estrutura logística para realizar as obras contratadas e o “repasse” de sua execução a empresa vinculada a pessoas ligadas ao ex-vice-Prefeito de

PCPE faz Operação Apneia em Toritama contra ORCRIM por lavagem de dinheiro e peculato

Imagem
A Polícia Civil de Pernambuco desencadeou na manhã desta terça-feira, 15, a 66ª Operação de Repressão Qualificada do ano, denominada "APNEIA", vinculada à Diretoria Integrada do Interior I - DINTER I, sob a presidência do Delegado Eymard Coutinho Filho, Titular da Delegacia de Polícia da 129ª Circunscrição – Toritama – 17ª DESEC.  A investigação foi iniciada em outubro de 2020, com o objetivo de identificar e desarticular integrantes de Organização Criminosa voltada à prática dos seguintes crimes de peculato e lavagem de dinheiro.  No dia de hoje, estão sendo cumpridos 2 (duas) medidas cautelares diversa da prisão e 6 (seis) mandados de busca e apreensão domiciliar expedidos pela Vara Única da Comarca de Toritama.  Na execução, estão sendo empregados 20 (vinte) Policiais Civis, entre Delegados, Agentes e Escrivães, além do apoio operacional da Polícia Civil do Rio Grande do Norte – PCRN.  As investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civi

Faltando 19 dias para seu encerramento, gestão Geraldo Julio inexige Licitação e vai pagar R$ 16,7 milhões a empresa investigada pelo MPPE

Imagem
Faltavam apenas 19 dias para o encerramento da gestão Geraldo Julio quando o Diário Oficial do Município publicou uma inexigibilidade de licitação para contratar a empresa MindLab para fornecer kits pedagógicos a serem distribuídos aos alunos e professores da Rede Municipal de Ensino. O valor anunciado é de R$ 16.727.121,00 . O Extrato do Termo de Inexigibilidade, que foi publicado no DOM do último dia 12/12/2020, tem o seguinte conteúdo: SECRETARIA DE EDUCAÇÃO  EXTRATO DO TERMO DE INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Nº 13/2020  Em cumprimento ao que dispõe o art. 26 da Lei 8.666/93, a Secretaria de Educação da Prefeitura do Recife torna público que reconhece a presente inexigibilidade de licitação, nos termos do art. 25, da Lei nº 8.666/93, para contratação da empresa MINDLAB DO BRASIL COMÉRCIO DE LIVROS LTDA, inscrito no CNPJ: 10.391.836/0001-18, tendo como objeto a contratação de empresa na aquisição de Conjuntos Educacionais (Kit Professor e Kit Aluno) para aplicação de me

Faroeste: Secretário de Segurança da Bahia, que é da PF, é afastado do cargo por participar de esquema de vendas de decisões e vazamento de operações para alvos. Duas desembargadoras foram presas

Imagem
Maurício Barbosa foi afastado pelo Ministro Og Fernandes Não foram só desembargadoras, membros do Ministério Público e servidores desses órgãos que foram visitados pela Polícia Federal na manhã de hoje, por ordem do Ministro Og Fernandes, do STJ. O Secretário de Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, que é Policial Federal, foi afastado do cargo por um ano e está proibido de frequentar as dependências da Secretaria e de manter contato com servidores do órgão. As medidas, que também atingem a chefe de gabinete do secretário, delegada como ele, Gabriela Macedo. Ela é suspeita de avisar várias vezes ao falso cônsul Adailton Maturino sobre ações prestes a acontecer, entre outros casos. A operação apura um esquema de venda de decisões judiciais que teria se instalado no Tribunal de Justiça da Bahia e se estendido a diversos outros órgãos. As desembargadoras presas são Lígia Maria Ramos Cunha Lima e Ilona Márcia Reis, ambas do TJ baiano. São investigados possíveis crimes de corrupção

Contratada para obras do Presídio de Itaquitinga e do Hospital Eduardo Campos fez transferências milionárias para organização criminosa investigada na Operação Articulata, que teve por alvo Secretário de Paulo Câmara

Imagem
A Operação Articulata, apesar de ser um desdobramento da Operação Casa de Papel, que investiga desvios da pandemia ocorridos em Prefeituras pernambucanas, descortina o que parece ser um esquema para desvios de recursos públicos em obras bancadas com recursos federais, mas tocadas pela Secretaria do Gabinete de Projetos Estratégicos do Governo de Pernambuco, que tem à frente Renato Xavier Thiebaut, um alvo da Operação de hoje. De acordo com a representação da delegada da Polícia Federal, Andrea Pinho, "curiosamente, a principal favorecida com empenhos pagos pelo Gabinete de Projetos Estratégicos é a CONSTRUTORA CARAJÁS LTDA., a qual possui estreito vínculo com LUCIANO CYRENO FERRAZ e, por sua vez, realiza transferências milionárias para a conta da GRÁFICA A ÚNICA, pertencente a SEBASTIÃO FIGUEIROA, sendo crível que essas operações financeiras tivessem por propósito fazer chegar a propina ao chefe do órgão contratante, dado os constantes encontros havidos entre os três personagens a